Foz do Arelho – O que visitar

A Foz do Arelho pertence ao concelho de Caldas da Rainha e é agraciada com parte de um autêntico paraíso natural: a Lagoa de Óbidos. Somos suspeitos ao falar neste local, pois além de ficar a “dois passos” da nossa casa, podendo visitá-la regularmente, é dos locais que mais gostamos nesta região. Não sabemos se das memórias de infância que temos dali, das vistas deslumbrantes da junção do mar com uma das maiores lagoas costeiras portuguesas ou dos pores do sol inesquecíveis que já nos proporcionou, não conseguimos mesmo resistir a uma visita sempre que possível, nem que seja para fugir ao reboliço do dia a dia.

A Foz do Arelho tem vários pontos de destaque, como uma escola primária histórica, que conta já com mais de 100 anos e que é um das 5 existentes que foi mandada construir pelo benemérito Francisco Almeida Grandella, bem como um monumento geológico com milhões de anos, chamado Penedo Furado, que foi inclusivamente renovado recentemente e que merece a visita.

Além destes, existem outros pontos que destacamos e que aconselhamos a visitar:

Praia da Foz do Arelho (Mar): A praia da Foz do Arelho (zona do mar), tem sido anualmente galardoada com a bandeira azul, símbolo da sua qualidade ambiental, tem ar areal relativamente extenso e faz as delícias de verão de muita gente, apesar do microclima que aqui se faz sentir e que tantas vezes não permite ter verões quentes como se faz sentir em tantas zonas do país. Ainda assim, nem que seja pela tranquilidade que ali se vive e pelos pores do sol únicos que tantas vezes proporciona, é um sítio que vale muito a pena visitar.

Lagoa de Óbidos: A Lagoa de Óbidos já sofreu diversas alterações na sua localização ao longo dos tempos, tanto que se diz que chegou a banhar a colina onde se encontra a Vila de Óbidos. Tem uma área total de aproximadamente 6,9 km2 e uma fauna e flora abundantes. Os amantes de natureza encontram aqui vários locais para caminhar e serão certamente surpreendidos por uma infinidade de animais que compõe este habitat… Há pouco tempo vimos nesta zona uma colónia de flamingos, que aqui passou numa qualquer rota migratória. Pela sua tranquilidade, é um espaço de eleição para famílias e em especial para crianças, não sendo de estranhar que se vão encontrando ao longo desta Lagoa diversos espaços dedicados a piqueniques, apetrechados com grelhadores, ideais para dias bem passados.

Passadiços: Concluídos há relativamente pouco tempo, este passadiços de madeira têm uma extensão aproximada de 800 metros. O seu principal propósito foi permitir a requalificação das arribas da Foz do Arelho, de forma a criar um trajecto de circulação de pessoas sem comprometer a vegetação existente nesta zona. Entre escadarias e zonas mais planas, existem ao longo deste um total de 7 miradouros, cada um com as suas particularidades, permitindo além da vista sobre a praia/lagoa, ver ainda o arquipélago das Berlengas em dias de melhor visibilidade.

Dica extra:

Existem vários miradouros ao longo dos passadiços que permitem ter vistas únicas sobre a praia da Foz do Arelho e sobre a Lagoa de Óbidos. Ainda assim, destacamos em especial um miradouro que tem uma das melhores vistas (coordenadas 39º26’25.54″N; 9º13’17.96″W), que por muito que ilustremos com palavras e fotos, não se consegue descrever em condições.

Ainda assim, o nosso “miradouro” de eleição é na “Inatel” da Foz do Arelho, que tem uma vista desafogada sobre toda esta imensidão natural, onde é fácil parar e simplesmente desligar da azáfama do dia a dia em que tantas vezes estamos embrenhados. Este local está aberto a visitantes apesar de ser da “Inatel” (o bar do hotel está aberto ao público e tem uma excelente vista também), mas tenham o cuidado de estacionar e circular em locais que não estejam reservados a hóspedes. Se puderem, fiquem para o pôr do sol… Em dias de céu limpo, proporciona espectáculos indescritíveis.

COVID-19:
Dada a situação pandémica actual e as leis portuguesas que exigem ainda o recolhimento obrigatório salvo raras excepções, não recomendamos actualmente a visita a este locais a não ser que estejam dentro da vossa área de residência e se enquadrem no chamado “passeio higiénico”. Ainda assim, aconselhamos a que se mantenham informados continuamente das leis em vigor e das suas actualizações.
A brevidade deste confinamento depende de todos nós… Temos o país e o mundo à nossa espera!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.